Contabilidade

  • Qualificações

    I Qualificação – Auxiliar em Contabilidade

    O Auxiliar em Contabilidade responsabiliza-se pela organização de documentos necessários para o exercício contábil, por receber e organizar documentos a serem expedidos, a fazer conferências de dados e documentos anexos a processos contábeis, em apoiar no atendimento a clientes fornecendo esclarecimentos a respeito de procedimentos contábeis, em realizar serviços externos junto aos clientes de uma empresa contábil para encaminhamento e retorno documental, bem como para orientação dos mesmos.

    II Qualificação – Auxiliar Técnico em Contabilidade

    O Auxiliar Técnico em Contabilidade está apto a conduzir processos contábeis de maior responsabilidade: podendo organizar e encaminhar procedimentos, realizar verificações de documentações, acolher e encaminhar processos contábeis aos devidos responsáveis, orientar os clientes e apoiar o técnico e/ou Contador nas demandas das empresas de contabilidade ou repartições de Recursos Humanos.

    III Qualificação – Técnico em Contabilidade

    O Técnico em Contabilidade está habilitado a analisar, elaborar e registrar documentos contábeis em conformidade com as leis; a realizar recrutamento, seleção, capacitação e acompanhamento da vida profissional das pessoas; a utilizar os instrumentos de planejamento, executar, controlar e avaliar os procedimentos dos ciclos: de pessoal, de recursos materiais, tributários, financeiros, contábil, do patrimônio, dos seguros, da produção, dos sistemas de informação.

  • Objetivos

    O curso Técnico em Contabilidade tem por objetivo ampliar e aprofundar a profissionalização das atividades contábeis na Região Sudoeste do Paraná, proporcionando aos gestores e operadores das atividades nessa área a oportunidade de melhorar sua qualificação profissional, através da construção de uma visão abrangente e integradora dos processos da Contabilidade. Preparamos o aluno para:

    • Analisar e elaborar documentos contábeis, propondo soluções gerenciais para organizações;

    • Manter e/ou realizar tarefas administrativas, buscando melhorias nos processos;

    • Apreender, quantificar, registrar, relatar, analisar, revisar e exprimir informações sobre patrimônio das organizações contribuindo para a tomada de decisões;

    • Agir em conformidade com as disposições da Lei Federal n.º 3.384/58, de 28/04/58 e da Lei Federal n.º 6.404/76, dos princípios fundamentais de contabilidade, das normas de contabilidade, bem como das normas e procedimentos enunciadas no Código de Ética Profissional;

    • Realizar recrutamento, seleção e treinamento de Pessoal;

    • Executar, controlar e avaliar os procedimentos dos diversos ciclos da organização;

    • Participar e colaborar para estruturar os programas de gestão de qualidade nas empresas e demais práticas de gestão das organizações;

    • Compreender e utilizar a tecnologia da informação como ferramenta de produtividade e competitividade organizacional;

    • Contribuir para a humanização das relações pessoais no trabalho;

    • Gerir recursos organizacionais, respeitando os padrões de qualidade, produtividade e competitividade;

    • Discernir as situações vivenciadas na organização, agindo com a velocidade requerida, com habilidade para trabalhar em equipe, com postura assertiva, empreendedora e pró-ativa, baseada em princípios éticos;

    • Identificar e aplicar os fundamentos de Marketing, tendo em vista a competitividade, a concorrência e as relações e comportamento do mercado;

    • Utilizar os instrumentos de planejamento, bem como executar, controlar e avaliar os procedimentos dos ciclos: de pessoal, de recursos materiais, tributários, financeiros, contábil, do patrimônio, dos seguros, da produção, dos sistemas de informação;

    • Analisar a importância da interação entre as pessoas e organização através do conhecimento do universo organizacional, bem como as interfaces da organização com o ambiente externo;

    • Reconhecer e aplicar a prática do programa 5S em seu ambiente de trabalho, apresentando os conceitos e ferramentas próprias a sua implantação e manutenção;

    • Reconhecer as normas da ISO (Organização Internacional de Normatização);

    • Identificar e interpretar os processos de Manutenção, Desenvolvimento e Monitoramento de pessoas dentro das organizações, traçando as ligações entre o ambiente dinâmico e competitivo em que se encontram as organizações;

    • Identificar os Sistemas de Remunerações, programas de Incentivos, Benefícios e Serviços, Treinamento e os caminhos que as empresas estão definindo na busca da Qualidade de Vida no trabalho;

    • Identificar documentação relativa a admissão, manutenção e/ou desligamento do colaborador.

  • Justificativa

    • A Escola Profissionalizante ESSEI oferta  o Curso Técnico em Contabilidade para suprir as necessidades do mercado de trabalho, que ainda necessita de bons profissionais nessa área, e que, está amparada pelos órgãos legais que a gerem.

    • Segundo o Sindicato dos Contabilistas de Francisco Beltrão – SINCOBEL - não existem dados sobre a quantidade de profissionais necessários nesta área com formação técnica, porém sabe-se que há uma carência muito grande de pessoas com formação média que tenham habilidade e competência para atuar na área. Como não existem trabalhadores com qualificação específica, as empresas têm aproveitado aqueles com formação média e alguma experiência. Há algum tempo não é mais ofertado o Curso Técnico em Contabilidade em Francisco Beltrão, dessa forma existe todo o mercado para ser conquistado, inclusive em níveis salariais.

    • Neste aspecto, a Escola Profissionalizante ESSEI quer contribuir com a comunidade de Francisco Beltrão e região oferecendo um curso com formação completa que possa suprir as necessidades da área de contabilidade.

    • Além dos escritórios de contabilidade, as empresas beltronenses também precisam de técnicos que sejam muito capazes de operar questões contábeis, há um sem número de pequenas e médias empresas que não podem onerar-se mais ainda seus processos contratando um contador exclusivo para realizar os controles contábeis de maneira eficiente. Portanto, nesta cidade como no Brasil todo, há oportunidade de trabalho nas mesmas proporções. 

    • Para se manter atuante nesse mercado, há que se reconhecer que o técnico em contabilidade não é mais o mesmo guarda-livros de períodos passados. Os atributos, tarefas e requisitos exigidos desses profissionais não permaneceram iguais.

    • Há tarefas que, em períodos anteriores, demandavam, pela sua importância, parcela considerável do tempo de trabalho dos profissionais, mas que, em função dos avanços tecnológicos, tornaram-se simples e rápidas, perdendo espaço para outras demandas que assumiram maior importância.

    • Do mesmo modo, muitas competências profissionais exigidas, não eram sequer cogitadas há alguns anos, como conhecimentos que o profissional técnico em contabilidade precisaria buscar.

    • Considerando tais questões a ESSEI, insere na estrutura do curso técnico uma visão moderna, coerente com os anseios do mercado e que efetivamente capacite o estudante para o exercício pleno da profissão, que é o que preceitua o artigo 1º, do Decreto nº 5154/04.

    • O campo de atuação do profissional de contabilidade, desde tempos remotos, esteve diretamente relacionado ao ambiente empresarial.

    • De fato, as possibilidades de atuação profissional do técnico em contabilidade são bastante amplas e compreendem as empresas públicas e privadas de um modo geral, independentemente do setor econômico, as organizações não-governamentais e as instituições sem fins lucrativos. O profissional pode atuar ainda em empresas contábeis particulares ou como autônomo.

    • São as empresas que realizam os negócios que são objeto de registro, controle, análise, acompanhamento e investigação da contabilidade, e é para elas que a Ciência Contábil se dispõe a fornecer informações úteis e que as auxiliem no seu desenvolvimento e crescimento.

    • Dessa forma, se for preciso verificar tendências de atuação dos profissionais de contabilidade no próximo século, nada mais coerente do que analisar, dentre outros aspectos, qual será o comportamento das empresas nos novos cenários que se apresentam.

    • A maneira como o mundo tem se modificado nos tempos atuais mostra que é impossível saber o que efetivamente acontecerá no futuro. Isso não impede, no entanto, de se procurar visualizar os possíveis ambientes que se apresentam, no intuito de antecipá-los na tentativa de uma melhor adaptação.

    • Em qualquer cenário que se desenhe, as empresas estão presentes. Elas não desaparecerão, mas serão diferentes.

    • Apesar da mudança, elas continuarão necessitando de informações gerenciais relevantes que a Contabilidade, incorporando novos parâmetros e auxiliada pelos recursos tecnológicos emergentes, tem amplas condições de oferecer.

    • Porém, mais importante do que ter a informação é saber o que se vai fazer com ela, identificando de forma plena e eficaz a sua aplicabilidade.

    • O técnico em contabilidade ESSEI contribuirá muito com esta postura porque deixará ciente os seus alunos de que é necessário manter uma postura pró ativa e muita perspicácia para compreender a sistemática econômico-financeira, política e social, em nível local, regional ou mesmo internacional. Sem essa concepção e consciência, o desenvolvimento profissional fica bastante prejudicado.

    • Se quisermos preparar os estudantes para que se tornem profissionais competentes e aptos a participarem com desenvoltura no mercado, é preciso que se dê atenção especial a essa questão.

    • A questão ética também  faz-se presente e assume relevância na formação profissional, pelo fato de que, por vezes, sua importância na contabilidade não é sentida nem pela sociedade, nem pelo empresariado e, até mesmo, em algumas situações, nem pelos próprios profissionais.

    • Vivem-se tempos difíceis, em que a desconfiança permeia todas as ações governamentais, empresariais e profissionais. Isso torna-se bastante evidente em nosso país, visto que o aumento do número de fraudes, de suspeitas de desvios de verbas e corrupção se junta ao fato de que as empresas brasileiras e sua economia como um todo são das menos auditadas no mundo.

    • Torna-se importante, portanto, que o estudante reconheça o valor incontestável de uma postura ética como requisito essencial no desenvolvimento profissional.

    • Outro fator a ser enfatizado é que, em função da vulnerabilidade de nossa legislação, dos problemas estruturais que nosso país enfrenta e da própria sistemática econômico-financeira do mundo globalizado, é preciso demonstrar aos estudantes a necessidade da educação continuada e da atualização constante em assuntos econômicos, sociais e políticos que excedem bastante as questões estritamente técnicas, a fim de se garantir uma efetiva participação no contexto empresarial e mercadológico que se desenha para os próximos anos.

    • Um bom profissional deve conhecer muito bem sua área de atuação e todas as técnicas que permeiam a profissão, mas a situação atual não comporta mais profissionais descontextualizados, que não enxergam as diversas interligações da sua área de conhecimento com outras.

    • Por essa razão, é que se torna inaceitável apresentar nos cursos técnicos uma visão da contabilidade numa perspectiva estritamente escritural, baseada na obediência cega ao que prescreve a legislação vigente.

    • É preciso que o profissional entenda a organização e sua razão de ser, compreendendo seus modelos de gestão, seus objetivos e políticas e suas inter-relações com o ambiente externo. Só assim ele terá condições de ajudar a empresa a crescer, orientando adequadamente seus dirigentes a tomarem decisões acertadas.

    • Com o desejo de contribuir com a cidade de Francisco Beltrão é que a Escola Profissionalizante ESSEI oferece o curso Técnico em Contabilidade, com um novo perfil, pois cremos que a qualificação profissional deve acompanhar as necessidades das empresas e da sociedade para promover o desenvolvimento local através de uma nova postura e aplicação de conhecimentos atualizados continuamente.

  • Área de Atuação

    O Técnico em Contabilidade, através de conhecimentos técnicos e operacionais, a analisar, elaborar e registrar documentos contábeis em conformidade com as leis; a realizar recrutamento, seleção, capacitação e acompanhamento da vida profissional das pessoas, identificando os sistemas de remuneração, programas de incentivos, benefícios e serviços das empresas na busca da qualidade de vida no trabalho. Estará em condições de utilizar os instrumentos de planejamento, de executar, controlar e avaliar os procedimentos dos ciclos: de pessoal, de recursos materiais, tributários, financeiros, contábil, do patrimônio, dos seguros, da produção, dos sistemas de informação.

  • Pré Requisito

    Ter concluido ou estar concluindo o ensino médio ( 2º Grau ).


Escola Profissionalizante ESSEI Ltda.
Fone: (46) 3524-5656
E-mail: centro.edu@essei.com.br
Rua: Tenente Carmargo, 1191
Francisco Beltrão - PR